Doe het zelf

Padrão

Eu nunca reparei se alemães também são assim, mas holandês é chegado a um “doe het zelf” (faça você mesmo).

Como mão-de-obra aqui é cara, muita gente arregaça as mangas nas horas vagas e reforma suas próprias casas. Eles encaram de tudo: reformam banheiros e cozinhas, trocam pisos, pintam paredes, penduram lustres, trocam torneiras, etc.. Os móveis, claro, também são quase sempre da IKEA: bonitos, baratos, mas que precisam ser montados pelo próprio consumidor em casa com a ajuda de um manual de montagem. Nada de entrega  e montagem gratuitas. Se as novas aquisições não couberem no seu carro, você tem que estar preparado pra pagar um frete bem salgado.

guarda-roupas

Até as portas do guarda-roupas vieram desmontadas: 8 placas de vidros e partes soltas de alumínio.

Na teoria, a filosofia “faça-você-mesmo” é bem romântica (e econômica também), mas na prática… haja paciência!

Compramos um guarda-roupas novo, um sofá-cama, uma estante de livros e uma escrivaninhas na IKEA. Tudo lindo – na loja. Achei que algumas partes, como gavetas, já viessem pré-montadas.  Ledo engano. Tudo, absolutamente tudo, tem que ser montado. Inclusive as gavetas.

Meu “namorido” é uma pessoa maravilhosa, mas tem o irritante hábito de postergar tudo o pode. Afinal, pra que fazer hoje o que você pode fazer na semana que vem, ou na outra? Ele não se incomoda com bagunça, coisas não terminadas, caixas pelo chão, soluções temporárias como roupas em malas e afins. Então que há 1 mês e meio estamos montando o guarda-roupas e ainda faltam os detalhes finais.

Eu passei uma tarde toda montando gavetas, vou encaixando os pregos e seguro as estruturas pra ele parafusar toda santa vez, mas tem coisas que o meu tamanho, somados a minha falta de habilidade, não permitem.

O sofá-cama, a estante de livros e a escrivaninha só foram montados depois de muita pressão (e com a minha ajuda) e os quadros, lustres e novos cestos de lixo (que devem ser instalados dentro do armário) estão todos na sala há quase 2 meses, esperando sua vez de serem pendurados e instalados.

Mas o highlight da casa é o banheiro. Assim como 90% dos holandeses (estimativa minha), namorido também resolveu se arriscar na profissão de pedreiro. Arrancou o vaso sanitário, a porta e os tijolos do banheiro, mudou a pia de posição, fez uma gambiarra pra tudo continuar funcionando e… nunca começou a reforma efetivamente. Há 2 anos o banheiro espera ser reformado e a pessoa tem que descer pro lavabo no meio da noite se quiser fazer xixi, pendurar um lençol no vão da porta pra tomar banho no inverno e ver a água da pia sendo “desovada” dentro do box do banho por meio de um cano improvisado. Já reclamei, já ameacei não vir mais pra cá, mas nada move a criatura. Procrastinação é a palavra de ordem por aqui.

banheiro

Pra provar que não é dramalhão meu.

Achei que isso fosse mal do “namorido”, até que descobri um programa na TV holandesa que se chama “Help, mijn man is klusser” (algo como: socorro, meu marido é um viciado em faça-você-mesmo). É gente que começou mil reformas em casa, nunca terminou e vive em situações temporárias eternas do tipo tomando banho na garagem. Até a hora que a esposa não aguenta mais e chama um programa de TV com uma equipe de pedreiros pra ajudar a terminar a reforma.

Com a minha falta de habilidade para o “doe het zelf”, não me resta alternativa a não ser esperar o “bonito” ter tempo e coragem pra terminar o guarda-roupa, furar as paredes e pendurar as coisas.

Pelo menos consegui convencê-lo a contratar pedreiros profissionais pra fazer a reforma do banheiro. Ele concordou meio que a contra-gosto, porque sabe que a brincadeira vai ficar cara. Mas ninguém mandou ele começar, não é?

E haja paciência!

Anúncios

4 responses »

  1. Também sou super adepta do faca voce mesmo, mas tenho lá meus limites… Lidar com reformas já é mais complicado, montar móveis eu ia é me divertir horrores!!! ehehhe

    Boa sorte com tudo por aí!!

    • Confesso que eu não sou muito adepta não, Babi. Preferia pagar alguém pra instalar e montar as coisas de uma vez. Mas me falta talento também. Vi no seu blog o projeto de quilt e achei o máximo. Quem sabe eu não me arrisque tb. Aliás, parabééééns pelo bebê!!! Beijo e obrigada pela visita!

  2. Karen que coragem!! Eu também faço muitas coisas sozinhas, ontem mesmo pintei o corrimão da escada. Mas eu faço um projeto de cada vez, se não demora muito e eu perco a motivação… Sorte ai, na pior das hipóteses liga para o ‘help mijn man is klusser’ 😉

    • Pois é, Ana. Nem me passou pela cabeça que comprar essa quantidade de coisas de uma vez era estar assinando um “atestado de loucura”. Agora haja paciência! A verdade é que eu preciso aprender a fazer as coisas sozinhas, como furar paredes e afins. Vamos ver quando tudo fica pronto por aqui. Um beijo!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s