Provas: sofrimento parte II

Padrão

Minhas provas começam em duas semanas. Deveria ter estudado durante o semestre. Não o fiz. Deveria ter estudado em julho, quando estava na Holanda (com muito tempo e sem nada pra fazer). Não o fiz.  Deveria ter começado a estudar ontem. Mas resolvi limpar, organizar guarda-roupas, lavar roupa, cozinhar. Novamente, adiei.

Agora tô aqui, em cárcere domiciliar, entre livros, power points e anotações.

Cada minuto estudado é um parto e tudo é distração. Até a lista de e-mails e telefones dos meus colegas de classe (que está grudada na parede, bem na minha frente) é mais interessante do que a tonelada de coisas que eu tenho que decorar pras provas.

Cadê a prova em grupo pra salvar a galera? Ou melhor, cadê aquela prova com consulta? A UNESP acabou com a minha capacidade de estudar pra provas.

O fato é que eu acho um absurdo um aluno de mestrado ter que fazer provas. Sinceramente. Mais absurdo ainda é os professores exigirem decoreba de termos e teorias. O que é isso? Voltei pro ensino fundamental?

Nossa senhora dos estudantes, tenha piedade de mim!

P.S.: Eu deveria estar estudando sobre signos, índices, ícones, símbolos, significado e significante, mas tô aqui, matando tempo no blog. Será que eu tenho salvação?

Anúncios

2 responses »

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s