Lar, doce lar

Padrão

Meu quartoAntes de vir pro mestrado eu sempre me perguntei como era viver como uma estudante na Alemanha. Eu fui intercambista no ensino médio aqui e morei com uma família alemã, depois voltei pra fazer um curso de alemão avançado na universidade de Freiburg e dividi uma casa com dois argentinos que vieram para fazer o mesmo curso, mas nunca tinha tido a experiência de viver em uma moradia estudantil. Eu tive a sorte de ter a Deutsche Welle para resolver tudo pra mim, então tudo o que eu precisei fazer foi escolher o tipo de moradia que eu queria e enviar um e-mail pra DW informando.

Há basicamente três opções nas moradias estudantis: um quarto simples, com cozinha e banheiro compartilhados; um quarto com banheiro, compartilhando a cozinha; ou um quarto com banheiro e pequena cozinha. Dividir banheiro estava fora da cogitação desde o começo, mas pensei que talvez dividir a cozinha fosse legal para conhecer outras pessoas rapidamente e não me sentir sozinha. Por isso demorei um pouco pra tomar a decisão. No final me decidi por ter tudo individual porque não estava afim de ter problemas de limpeza na cozinha (afinal, você pode dividir a cozinha com 5 ou com 20 pessoas, you never know) e nem de ter que sair do quarto toda vez que quisesse tomar um copo de leite e comer uma torrada.Minha pequena cozinha

Pelo meu pequeno “paraíso” pago 250 euros por mês, com internet, entrada para TV (aqui se paga uma taxa), aquecimento, energia e água. No porão tem três máquinas de lavar e uma secadora. Você leva seu próprio sabão e amaciante e paga 1,60 euro a cada lavagem – usando um cartão recarregável. Depois de um tempo você descobre os melhores dias e horários para lavar as roupas, já que as máquinas são disputadíssimas (acredito que sejamos uns 200 estudantes nesse prédio).

O lado ruim de ter banheiro e cozinha no quarto é que já moro aqui há 4 meses e quase não conheço ninguém. Além disso, não dá pra cozinhar muita coisa de qualquer forma, porque a cozinha é dentro do quarto e tudo fica cheirando por três dias. À parte disso, ter minhas coisinhas, principalmente meu próprio banheiro, tem muitas vantagens. Tenho amigos morando em quartos simples e eles contam que dividir banheiro e cozinha com outras várias pessoas é bem complicado, por mais que se tente manter a ordem.
Eu, por enquanto, estou bem satisfeita com a minha escolha. Moro a uns 300 metros do rio Reno, a 5 minutos da academia e do ginásio de esportes da faculdade, a 15 minutos a pé do centro ou 5 minutos de ônibus, enfim. Devo mesmo ficar por aqui até o final do mestrado.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s