O poder de uma Magen-Darm-Grippe

Padrão

Após uma traumática experiência em um hospital alemão em 2009 hoje resolvi enfrentar meus próprios fantasmas e dar uma segunda chance à medicina alemã. Durante uma viagem maravilhosa a Brugge (Bélgica) algo que comi não era lá da melhor qualidade (ou não estava muito limpo) e meu corpo se rebelou.

Quando estava com a garganta inflamada e delirando de febre em Freiburg, em 2009, fui a um pronto socorro, como faço geralmente no Brasil quando estou mal. Pra começar a atendente não queria reconhecer meu seguro saúde, depois esperei por mais de duas horas numa sala gelada e a médica que me atendeu devia ser discípula do Hitler. Fiquei traumatizada.

Estava evitando ir a médicos na Alemanha desde então, mas passei a noite me esvaindo em diarreia e vômito e hoje o dia não foi muito melhor. Dessa vez resolvi tentar um clínico geral em vez do hospital, como um amigo alemão me indicou. Procurei no google, liguei e marquei uma consulta pra hoje no final da tarde.

Confesso que pago meu seguro saúde todo mês (80 euros porque estudante), mas nunca entendi direito o sistema de saúde daqui. Já era hora de aprender.

Apesar de pagar a Krankenkasse (seguradora de saúde) todo mês, para ir a uma consulta médica paga-se uma taxa de 10 euros. Eu achava que toda vez que tivesse que ir ao médico fosse ter que pagar essa taxa, mas descobri que ela é paga somente uma vez a cada trimestre, ou seja, se precisar passar por outras consultas em qualquer outro médico nos próximos três meses só preciso apresentar o recibo e não pago mais nada.  Ainda bem que descobri isso antes de jogar o recibo fora.

Como eu já esperava, estou com uma Magen-Darm-Grippe, ou seja, uma infecção intestinal. A médica foi uma fofa e até procurou pra mim na internet as traduções dos nomes das vacinas que ela precisava saber se eu tinha tomado (sarambo e rubéola) para o português. A consulta foi rápida (e pontual), a clínica era agradável e a médica realmente me examinou.

Agora estou à base de água, coca-cola choca, pão e maçã em processo de oxidação (sabe quando ela vai ficando marrom?). Médicos alemães são sempre muito naturebas. Não importa o que você tenha – enxaqueca, dor de barriga, resfriado, dor na perna – o conselho deles é sempre beber muita água e chá e esperar que o sistema imunológico faça seu trabalho. Hunf!

Descobri também que existem sites do tipo “lista amarela” que, além do nome e especialidade de cada médico, mostram como eles foram avaliados pelos pacientes. Na próxima vez então (que eu espero que não seja em breve), vou consultar o http://www.arzt-auskunft.de/

Anúncios

3 responses »

  1. Cuidado com essas maças, ou vc vai ter uma nova oportunidade de aprender mais sobre o sistema de saúde alemao…rs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s